CMVM
skip
Idioma
pageBackground
Comunicados

CMVM Delibera Liquidação Compulsiva do Fundo de Investimento Imobiliário Urbifundo


29 de Janeiro de 2009

O Conselho Directivo da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) deliberou, em reunião realizada no dia 22 de Janeiro de 2009, determinar a liquidação compulsiva do Fundo de Investimento Imobiliário Urbifundo, gerido pela Companhia Gestora do Fundo Imobiliário Urbifundo, S.A., nos termos e para os efeitos do n.º 1 do artigo 35.º do Regime Jurídico dos Fundos de Investimento Imobiliário (RJFII).

Na base desta decisão está o incumprimento dos limites à composição do património do fundo, de acordo com o previsto no artigo 38º do RJFII.

Como liquidatário do fundo foi designado o Dr. João Luiz Figueira, economista, que passará a exercer os poderes atribuídos por lei à sociedade gestora. Mantêm-se, todavia, os deveres impostos ao depositário que é o Banco Espírito Santo de Investimento, S.A (artigo 35.º n.º 3 do RJFII).

A liquidação do fundo, que se prevê estar concluída até 27 de Janeiro de 2010, implica a imediata suspensão das operações de subscrição e resgate das respectivas unidades de participação (artigo 40.º n.º 3, do RJFII).

O Fundo de Investimento Imobiliário Urbifundo era o único fundo gerido por esta entidade gestora, tem dois participantes e, de acordo com o reporte efectuado à CMVM sobre a composição da respectiva carteira relativo a Dezembro de 2008, tem um valor líquido global de 4.750.080.36 euros.