CMVM
skip
Idioma
pageBackground
A CMVM

Semana da Formação Financeira envolveu mais de 2200 participantes


​08 novembro de 2019

A Semana da Formação Financeira 2019, uma iniciativa promovida pelo Conselho Nacional de Supervisores Financeiros (CNSF) que decorreu entre 28 e 31 de outubro, envolveu mais de 2200 participantes, sobretudo jovens em idade escolar, mas também professores e outros formadores, jogadores de futebol, população em idade ativa e seniores.

Na edição deste ano, a Semana da Formação Financeira, que conta sempre com a participação dos parceiros do Plano Nacional de Formação Financeira, teve lugar na cidade de Bragança e nas restantes autarquias da Comunidade Intermunicipal das Terras de Trás-os-Montes, sob o lema “Na Formação Financeira Todos Contam”.

No primeiro dia desta celebração, as atividades concentraram-se no Agrupamento de Escolas Emídio Garcia, em Bragança, e contaram com a participação de cerca de 1400 alunos, do ensino básico e do ensino secundário, das cinco escolas do agrupamento. Os três supervisores financeiros – Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões (ASF), Banco de Portugal (BdP) e Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) –, em conjunto com os parceiros do Plano Nacional de Formação Financeira, desenvolveram 66 sessões de formação financeira na Escola Secundária Emídio Garcia.

Também no dia 28, a Presidente da ASF, Margarida Corrêa de Aguiar, o Vice-Governador e a Administradora do BdP, Luís Máximo dos Santos e Ana Paula Serra, e o Administrador da CMVM, Rui Pinto entregaram os prémios às escolas vencedoras da 8ª edição do Concurso Todos Contam, que este ano recebeu 58 candidaturas de 69 escolas do Continente e das regiões autónomas dos Açores e da Madeira. Pela primeira vez, foi distinguido o professor que nos últimos anos mais se destacou na implementação de projetos de educação financeira, tendo recebido o prémio professor Todos Contam.

Ainda durante o dia 28 realizou-se uma sessão pública de balanço do programa de formação de formadores, desenvolvido no âmbito do protocolo celebrado entre o CNSF e o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), que contou com a presença dos supervisores financeiros e do Presidente do IEFP, António Valadas da Silva. Entre 2018 e 2019, este programa de formação contou com a participação de 100 formadores do IEFP, cujas ações de formação chegaram depois a cerca de 6000 formandos.

A Semana da Formação Financeira foi também o palco escolhido para a apresentação e discussão dos resultados do primeiro inquérito àliteracia financeira dos jogadores profissionais de futebol, realizado no âmbito do protocolo de cooperação para a promoção da formação financeira dos jogadores de futebol, celebrado entre o CNSF e o Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol. Esta apresentação teve lugar no Instituto Politécnico de Bragança, no dia 29 de outubro, e contou com a presença dos supervisores financeiros, do Presidente do Sindicato de Jogadores Profissionais de Futebol, Joaquim Evangelista, e de ex-jogadores de futebol de renome internacional. A intervenção por parte do CNSF foi assegurada pelo Administrador da CMVM, Rui Pinto.

Entre 30 e 31 de outubro, foram desenvolvidas diversas iniciativas nos nove municípios da Comunidade Intermunicipal de Terras de Trás-os-Montes, no âmbito do acordo de cooperação celebrado durante o ano entre o CNSF, a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDRN) e as autarquias de Alfândega da Fé, Bragança, Macedo de Cavaleiros, Miranda do Douro, Mirandela, Mogadouro, Vila Flor, Vimioso e Vinhais. Cada uma destas ações contou com a presença do respetivo Presidente de Câmara e todas elas foram acompanhadas por uma comitiva que integrou o Presidente e Vice-Presidente da CCDRN, Fernando Freire de Sousa e Ester Gomes da Silva, um representante da Comunidade Intermunicipal de Terras de Trás-os-Montes e os supervisores financeiros. No seu conjunto, as iniciativas contaram com 570 participantes de diferentes grupos populacionais: alunos, professores, desempregados, população sénior e beneficiários do Rendimento Social de Inserção.

Nove municípios das Comunidades Intermunicipais do Tâmega e Sousa e do Alto Tâmega (Amarante, Boticas, Lousada, Baião, Cinfães, Felgueiras, Montalegre, Valpaços e Vila Pouca de Aguiar) também se associaram à Semana da Formação Financeira e, no âmbito do acordo de cooperação que celebraram com o CNSF e a CCDRN, dinamizaram sessões de formação e sensibilização sobre temas financeiros dirigidas a cerca de 250 estudantes e membros da população sénior e cidadãos em geral.