CMVM
skip
Idioma
pageBackground
Estatísticas

Estatísticas periódicas


Fundos de investimento mobiliário

Outubro 2017

Em outubro de 2017, o valor sob gestão dos organismos de investimento coletivo em valores mobiliários (OICVM) totalizou 10.892,1 milhões de euros, mais 383,0 milhões de euros (3,6%) do que em setembro. Nos fundos de investimento alternativo (FIA) o valor sob gestão desceu 4,2% para 1.367,6 milhões de euros.

O valor das aplicações em ações registou uma subida de 0,6% nas de emitentes nacionais e de 6,0% nas de emitentes estrangeiros. No que respeita à dívida pública nacional, o valor das aplicações desceu 5,2%, tendo recuado 11,0% na dívida pública estrangeira. Já o valor aplicado em obrigações desceu nas emitidas por emitentes nacionais (1,2%), mas subiu nas de emitentes estrangeiros (3,9%).

O BCP foi o título que mais pesou nas carteiras dos fundos, representando 11,3% do total investido, com uma descida mensal de 4,0%. Seguiram-se a Galp, cujo valor nas carteiras dos fundos cresceu 1,2%, e a Sonae SGPS, que recuou 7,7%.

No que respeita ao investimento em títulos da União Europeia, os mais representativos nas carteiras dos fundos de investimento foram Siemens, LVMH Moet Hen. e Royal Dutch Shell. Fora da União Europeia destacam-se a Apple Computer, a Johnson Johnson e a Visa.

O Luxemburgo continuou a ser o principal destino de investimento dos FIM em outubro, ao absorver 18,3% do total das aplicações dos fundos, seguido da Alemanha (14,4%), do Reino Unido (13,3%) e de Portugal (10,3%).

As sociedades gestoras com as maiores quotas de mercado foram a Caixagest (31,7%), BPI Gestão de Activos (26,8%), e IM Gestão de Ativos (17,8%).

Em outubro houve a transferência da gestão de oito fundos da Crédito Agrícola Gest – SGFIM para a IM GA – SGFI: fundos de investimento flexíveis "Fundo de Investimento Mobiliário Aberto Flexível CA Flexível"(*), "Fundo de Investimento Mobiliário Aberto Flexível CA Dedicado Acumulação"(*) e "Fundo de Investimento Mobiliário Aberto Flexível CA Dedicado Valorização"(*); fundo de investimento de obrigações "Fundo de Investimento Mobiliário Aberto de Obrigações CA Rendimento", fundo de investimento de ações "Fundo de Investimento Mobiliário Aberto de Acções CA Acções Europa"(*), fundo de investimento do mercado monetário "Fundo de Investimento Mobiliário Aberto do Mercado Monetário – CA Monetário", fundo de investimento mobiliário "Fundo de Investimento Mobiliário Aberto CA Curto Prazo", e fundo de investimento alternativo flexível "Fundo de Investimento Alternativo Aberto Flexível CA Alternativo"(*).

(*) Alteração de denominação de "CA" para "IMGA".